No Recife, vereador da base manda o governador tirar a “bunda da cadeira”, e solucionar o caos na segurança pública

A sessão da Câmara Municipal do Recife foi marcada por discursos dos vereadores, que cobravam um posicionamento do Governo sobre o cenário da violência que atinge o Estado. Da bancada governista, o vereador Renato Antunes (PSC) fez duras críticas ao governador Paulo Câmara (PSB), cobrando ações urgentes para solucionar o caos instalado.
 
“ Mesmo sendo base do governo, não dá para defender o indefensável. Falo como cidadão do Recife, e me pergunto o que está sendo feito. O Recife, Pernambuco está em guerra. Mesmo sabendo que no âmbito municipal não é responsabilidade da prefeitura, mas o que o governo municipal está realizando para coibir este cenário”, questionou Antunes.

 
O vereador ressaltou a importância da união de todos, em busca de ações que tragam resultados, e afirmou que não adianta mais discursos bonitos e eloquentes, pois é o povo que está sofrendo.
 
“ Chegou a hora do governador Paulo Câmara colocar um colete e ir para as ruas. Eles precisam tirar a bunda da cadeira e fazer algo, pois não dá mais para conviver neste clima de terror e de insegurança”, pontuou Renato.
 
Uma alternativa para  solucionar a crise da segurança pública no Estado, seria pedir o apoio da Força Nacional. No início de setembro, o vereador  Renato esteve acompanhando do Deputado Estadual André Ferreira em Brasília, em audiência com o ministro da defesa, o pernambucano Raul Jungman. 
 
” O primeiro passo para sairmos da situação que o Estado encontra, é assumir que estamos perdendo este duelo com a violência. Isto é ter humildade, e pensar nas pessoas que estão sendo vítimas, e todos nós, pernambucanos que saímos de casa com medo. Chegou a hora de pedir ajuda  das forças armadas”, finalizou o parlamentar.

Deixe um comentário:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Current ye@r *