Jaboatão: *Vereadores da base já ensaiam abandonar o gestor há um ano da eleição devido ao desgaste nas comunidades* “Ter Anderson ao lado vai nos queimar”, disse um Vereador da base

Passados quase três anos de gestão e Jaboatão parece não ter saído do papel das propostas de um gestor inexperiente para o grande desafio. A onda de denúncias feitas diariamente em todos os meios de comunicações, inclusive as que estão em andamento no TCE e outras áreas de investigações, aliada a má avaliação do gestor, tem deixado os Vereadores da base com a barba de molho, com isso, já existem os que preferem ficar equidistante do gestor para não perder votos durante a campanha da reeleição. Em recente conversa com vários Vereadores que hoje estão momentaneamente na base governista, a ideia é não andar muito com o Prefeito, nem defender quando questionado pela comunidade, até porque, segundo fontes interna da base do poder, o Prefeito anda muito mal avaliado e quem defender sua gestão vai perder votos, desabafou um vereador da base.

Outro aspecto que também tem tornado difícil a convivência do Prefeito com sua base está no fato do mesmo não ouvir seus aliados e achar que tem o controle de tudo e de todos do governo, “é incrível como o grupo do Prefeito anda de salto alto e acha que vai ganhar as eleições simplesmente porque tem o controle da Prefeitura, nunca vi um gestor ser tão dono de si e achar que pode decidir uma eleição sem conversar com seus aliados.” Continuou desabafando o Vereador.

Não existe em política adversário morto, nem Prefeito eleito antes da eleição, o que existe na política são os fatos postos e trabalho como argumento, e, ainda por cima, uma aprovação da gestão na sua cidade, o resto, se cria, inclusive com propagandas fenomenais. É bom a gestão baixar a guarda e seguir o sentimento das ruas, mesmo porque, o tempo já não é mais o mesmo, e, depois da metade de uma ponte, você começa a sair da ponte. O governo já passou da metade, agora é só começar a se preparar para a saída, pelo menos é o que se desenha neste momento.

VEREADOR 2020: Estratégias e tatícas para uma campanha vencedora