“Esse Deputado Federal foi expulso da Assembleia de Deus, nunca apresentou uma emenda para Jaboatão” Prefeito Elias Gomes detonando toda a oposição e Anderson Ferreira.

13925341_577348915778279_1943078844698107578_nAssim como ocorreu nas convenções de Neco, Edmar de Oliveira, Anderson e Cleiton Collins, o PSB realizou um grande ato, uma grande convenção com muita gente e militância, foi o que aconteceu nesta sexta feira em Jaboatão Centro. Um ponto importante e o mais aguardado foi o discurso do Prefeito Elias Gomes, notadamente muito raivoso em relação aos seus adversários, Elias não poupou ninguém da oposição que ele não reconhece, mas, que existe. Gomes pontuou cada candidato da oposição, que ele chamou de atraso e dos que querem trazer Jaboatão para o caos. Elias Diz que a oposição em Jaboatão é ele e não os que estão disputando do outro lado. Sobre Neco ele pergunta aos convencionais se eles sabem quantos mandatos Neco teve, e responde em seguida, 10 de vereador e um de deputado estadual, e bate forte em Neco. “É um coadjuvante.”. Em relação a Anderson Elias cita seu pai, o ex-deputado Manoel Ferreira e fez acusações de que a família usa a religião para se locupletar. E chama-o de menino, e faz referência aos seus mandatos, “vai no seu segundo mandato de Deputado Federal, nunca apresentou uma emenda para Jaboatão”, ele usa a religião para tirar proveito. E detona, “Foi até expulso da Assembleia de Deus. ”. Em relação a Edmar de Oliveira, o Prefeito detonou, este Edmar, foi vereador em Jaboatão, depois correu para Recife, como não conseguiria se reeleger, voltou para Jaboatão para ser candidato. E fala nos arrependidos, os que de última hora decide se candidatar, uma referência ao Deputado Cleiton Collins.

O Prefeito sabe que está será uma das mais disputada eleição da história de Jaboatão, não será fácil para ele eleger seu sucessor, terá uma missão das mais complicadas, mesmo porque, tem hoje, quer queira ou não, candidatos com potencial de derrotá-lo nas urnas em outubro, portanto, vai ter que ir para as ruas como se fosse o próprio candidato, como no Cabo também terá que fazer a mesma coisa, a melhor solução para entrar direto na campanha seria se afastar do cargo para virar de fato, um militante.

Deixe um comentário:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Current ye@r *