Em Paulista, balanço da limpeza urbana mostra aumento significativo de lixo coletado e moradores já sentem os reflexos

Os moradores do Paulista já estão sentindo os reflexos do trabalho realizado pela nova empresa de limpeza urbana. Dados divulgados nesta segunda-feira (12.08), pela Secretaria de Infraestrutura, Serviços Públicos e Meio Ambiente do município, revelam que em apenas uma semana de atuação, o recolhimento do lixo domiciliar, de entulhos e a poda de árvores aumentaram consideravelmente nas ruas da cidade. Os números correspondem ao período do dia 05 a 11 de agosto (segunda a domingo).

Ao longo dessa primeira semana de trabalho, a nova empresa conseguiu recolher 603 toneladas a mais de lixo domiciliar do que nos últimos sete dias, alcançando um total de 2.251 t em todos os bairros da cidade. No mesmo período, foram retiradas das ruas 67 toneladas a mais de entulho e 20 t a mais de poda de árvores.

O volume recolhido mostra que as ações nas comunidades foram intensificadas e surtiram efeito. Para se ter uma ideia, em bairros como Janga e Pau Amarelo, na área das praias, foram recolhidos 592 toneladas de lixo domiciliar em apenas sete dias. Localidades como Maranguape I, Jardim Paulista e Paratibe também tiveram um alto volume de resíduos recolhidos, chegando a 484 t na semana.

Desde a última segunda-feira (05), quando a nova empresa começou a atuar na cidade, a coleta domiciliar ganhou um reforço significativo com o uso de 17 caminhões compactadores, nove caminhões do tipo caçamba, seis do tipo carroceria aberta, além de três retroescavadeiras e três de escavadeiras hidráulicas. A empresa contratada já está atuando com um efetivo superior a 240 homens, entre eles, trabalhadores da varrição, capinação e pintura de meio-fio. Esses serviços retornam com esse novo contrato.

A nova empresa vai atuar na cidade por seis meses, através de um contrato emergencial, que foi construído pela equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura, Serviços Públicos e Meio Ambiente, com o acompanhamento e a devida autorização dos órgãos de controle. A medida ocorre por conta do vencimento da intervenção na empresa que prestava esse tipo de serviço através da Parceria Público Privada (PPP).

VEREADOR 2020: Estratégias e tatícas para uma campanha vencedora