DOÍ NA COLUNA – 04/11/2013

Assim como outras datas são importantes para nossas vidas, o dia 02 de novembro, mais conhecido como dia de finados, também tem sua relevância, pois foi criado em homenagem às pessoas falecidas. A morte é o cessar definitivo da vida, seja ela humana, vegetal ou animal, que pode acontecer por diferentes motivos, como doenças, acidentes ou violência. Segundo pesquisas do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o maior número de morte no Brasil é relacionado à mortalidade infantil. Porém, essa taxa teve consideráveis reduções no período entre 1991 e 2000, passando de 45,3 para 28,3, de cada mil crianças nascidas vivas. Mas o Brasil ainda tem muito a melhorar, se comparado a outros países. Na Europa a taxa é de cinco mortes para mil crianças nascidas vivas, e nos Estados Unidos chega-se a sete. O dia dos mortos é um dia de respeito, dedicado para que as famílias celebrem a vida eterna dos seus entes falecidos, tendo esperança de que tenham sido recebidos pelo reino de Deus. Por Jussara de Barros.

coluna 1

 

Doí na Cervical: Ver que em Jaboatão os cemitérios estão abandonados.

 

Doí na Dorsal: Ver uma praia dita recuperada, mas, suja e muito suja.

 

Doí na Lombar: O Mercado Público de Cavaleiro muito sujo e fedorento.Limpeza pública.

Renda Extra: Curso Avançado de Cupcakes

Deixe um comentário: